Girlene Lima Portela | LinkedIn Acompanhe no Twitter Curta no Facebook Visualize no Flickr Assista no YouTube
 Artigos
1 2 3 4 5 6 7 Próxima >>

Ensinar matemática deveria ser proibido

25/07/2012 - Simone Barbosa de Santana Silva

Ensinar matemática deveria ser proibido[1]  

Analisando a sociedade capitalista em que vivemos, eu diria que ensinar matemática deveria ser proibido. Afinal de contas, ela faz mal as pessoas, causado pela absorção de um veneno do qual não há antídoto: o conhecimento.

A matemática faz o indivíduo acreditar que pode conquistar. Consegue somar oportunidades, diminuir dificuldades, multiplicar as relações de poder, e dividir ações de cidadania. Através dela, conseguimos resolver um número bem grande de problemas de diversas áreas da Ciência.

Ei! Empresários: não invistam em cursos de matemática, ela baseou a teoria marxista da mais-valia, gerando a grande revolta do proletariado contra a exploração da mão de obra e a produção do excedente. Karl Marx (1868) conseguiu algebricamente descobrir a maximização do lucro, realizado no processo produtivo imposto pelos detentores de capital à massa de trabalhadores.

Prefeitos!!! Estejam atentos. Nas escolas municipais, a matemática fará os estudantes conhecerem os valores dos impostos (IPTU, ISS...) recolhidos e os valores por VSa investidos ou gastos.

Governadores fiquem em alerta. Os conhecedores de matemática calculam as verbas oriundas da esfera federal, os restritos investimentos na educação, os baixos salários dos professores, além dos volumosos gastos com a mídia e o carnaval. Sem falar nas cobranças abusivas (ICMS, IPVA, ...).

Presidente, por gentileza me escute. É necessário que Vossa Excelência reformule a CLT, e dobre a jornada de trabalho. Tire também a folga semanal e as férias. O ócio é capaz de produzir conhecimento. Aristóteles, Galileu, e outros filósofos, conseguiram evoluir esta ciência porque estavam desocupados.

Saber matemática pode ser perigoso numa sociedade que só conhece a soma e a multiplicação. Onde os números devem ser crescentes, rotulando aqueles que vivem na sociedade do “ter” para “ser”.

Não aprendam matemática, pois te fará conhecer os altos impostos que você paga, os juros embutidos em suas compras e ainda o quanto vale as horas do teu dia. Ficar na ignorância te poupará da angustiante sensação de que os números sobrepõem os sentimentos e a razão.  


[1] Artigo produzido por Simone Barbosa de Santana Silva, graduanda do 1° semestre do curso de Licenciatura em Matemática da Universidade Estadual de Feira da Santana – UEFS.

Deixe seu comentário
Visual CAPTCHA
 
 

LINGUAGENS

  • Adorável Professor

    Filme excelente sobre as fraquezas e fortalezas de alguém que se lança na arte de e...

    CONTINUE LENDO
  • O Guardião de Memórias (Kim Edwards)

    Lembra-nos a importância da valorização do diálogo, de reacender, a ca...

    CONTINUE LENDO
Interaja Conosco
 
A criação da roda sob a ótica de estudantes de matemática

Invenção da roda, matemática, Letras, Laboratório de pesquisa

Trabalho realizado por um grupo de estudantes de matemática, na disciplina Laboratório de pesquisa e produção de textos, sob minha orientação, a qual tem rendidoexcelentes trabalhos de intersecção entre a matemática e a linguística.

Álbuns
® Girlene Portela - 2019. Todos os direitos reservados. Bahia - Brasil Desenvolvido por Otavio Nascimento