Artigos

Nunca perca a esperança

22/02/2022 - Marivan Melo

Nunca perca a Esperança

Marivan Melo

De volta ao passado

Vi que tudo passou,

Passou a dor da saudade,

da angústia, da amargura,

da revolta, da solidão,

da falta de perdão;

São lembranças pertinentes,

Que faço questão de contar,

Certo dia uma mulher,

Estava numa crise angustiante,

Havia perdido o seu filho,

De forma trágica e arrepiante,

Não tinha palavra que a confortasse,

Situação horripilante,

Nada aqui é para sempre,

Deus, do céu, ouviu o seu clamor,

Foi num encontro de uma igreja,

Que sua vida mudou,

Apesar da resistência,

Deus seu orgulho quebrou.

A reunião acontecia,

A Palavra de Deus era ministrada, Quando uma irmã invocou,

O socorro do Criador.

(Para minha irmã Miriam)

 

 

Nunca perca a Esperança

De Marivan Melo

De volta ao passado

Vi que tudo passou,

Passou a dor da saudade,

da angústia, da amargura,

da revolta, da solidão,

da falta de perdão;

São lembranças pertinentes,

Que faço questão de contar,

Certo dia uma mulher,

Estava numa crise angustiante,

Havia perdido o seu filho,

De forma trágica e arrepiante,

Não tinha palavra que a confortasse,

Situação horripilante,

Nada aqui é para sempre,

Deus, do céu, ouviu o seu clamor,

Foi num encontro de uma igreja,

Que sua vida mudou,

Apesar da resistência,

Deus seu orgulho quebrou.

A reunião acontecia,

A Palavra de Deus era ministrada,

Quando uma irmã invocou,

O socorro do Criador,

 

Como estancar Senhor aquela dor?

A resposta não demorou,

Veio em forma de poema,

A declaração de amor,

“Você não está só”

Após aquele belo poema,

Nas mãos dela foi deixado,

Ela olhou para o papel,

E em seguida o guardou,

Passaram-se dez anos,

A mulher foi encontrada,

Pregando a Palavra de Deus

Numa igrejinha da cidade,

Quem diria que aquele poema,

Mudaria sua realidade,

Estava totalmente curada,

Liberta, abraçou a seara,

Hoje geradora de vidas,

Quantas vidas não foram resgatadas?

O Renovo de Deus a encontrou,

Deus quebra o vaso e o faz de novo,

Ele é o Oleiro, Aleluia!

E ainda deu o seu nome, Miriam

Mulher sábia, vencedora,

Honrada pelo Senhor,

Revestida do poder de Deus,

Crê confiantemente,

“Que jamais estará só.” Aleluia!

 

Compartilhe
Deixe seu comentário